Cabelos presos

Olá, Divin@s!

Curtindo esse feriadão como se não houvesse amanhã? Aproveitei o dia das crianças e dei vazão a minha criança interior! Mas ela só quis saber de ficar de pijama, largada no sofá, curtindo preguiça e desenhos.

Ainda mais com esse calor, querid@, você fica em casa largad@ no sofá ou descola um amigo com piscina, aliás estou a procura dele <3
Mas deixemos isso para lá, porque hoje é segunda e dia de post, dia de tagarelar a respeito das nossa beleza, a melhor parte do dia, na minha opinião. Dentre um zilhão de assuntos que tenho anotado em meu caderno, sim blogueir@s div@s precisam de organização e pesquisa, tá achando que eu escrevo só com a inspiração divina? achei um que se enquadra para o dia de hoje.
Vamos falar de cabelos, esses companheiros bonitinhos, mas ordinários que podem transformar nossa vida e rosto em uma alegria ou uma tragédia TOTAL.
Está muito muito muito quente! E a tendência é que as pessoas possuidoras de cabelos longos os prendam sem dó nem piedade. Mas vamos combinar, né? Quem aguenta ficar com os cabelos soltos em meio a 30 graus? 
Prender o cabelo não é o problema, e sim como prender e com o que. Eu sei como é, você já acorda fazendo aquele coque, que mais parece um nó, prendendo o cabelo nele mesmo eu também faço isso, não tô te julgando amig@. Ou então faz aquele rabo de cabelo bem puxado e prende super alto.
Pelo seu bem amig@, não faz isso.

Vou te dar três diquinhas super simples, de diva para div@, que vão te ajudar a escolher melhor como prender as madeixas sem danificar os fios.
 
Primeiro mandamento – não prenderás o cabelo sem antes escová-lo com devoção.
Regra para a sua vida, por favor! Nada de prender se antes escovar o cabelos e desatar todos os nós. Por que? Ao prender o cabelo com os nós você está forçando ainda mais os fios, sendo assim é muito mais provável que eles se rompam nos pontos com nó. Sem pentear nada de prender, certo?
Segundo mandamento – não prenderás o cabelos com elástico de dinheiro, nem com bico de pato.
Esses dois “prendedores” deveriam ser chamado de danificadores. Nem pensar em usá-lo, nem mesmo como quebra galho. Eles quebram o fio, enfraquecendo e facilitando a queda. Prefira os prendedores de tecido, as “piranhas” grandes, aqueles palitinhos.
Terceiro mandamento – não prenderás o cabelo com toda a força do Hulk que está contido em você.
Por mais que você queira prender os cabelos deixando eles perfeitamente presos no rabo de cavalo pelo dia todo, isso prejudica não só os fios como o couro cabeludo enfraquecendo da raiz as pontas das madeixas. Se precisa usar aquele coque ou rabo de cavalo puxado para trabalhar obrigatoriamente, não se chateie. Você pode substituir o puxado por um gel sem álcool para manter o efeito arrumadinho. Eu indico o gel mega fixador sem álcool da NY Look! Ele é super em conta, você acha em qualquer farmácia e fixação é realmente mega.
Bom, é isso minh@s Divin@s! Sigam os mandamentos e sua vida capilar vai mudar, para melhor! Beijos em vocês e vamos desfilar nossos cabelos divos por aí!

 

2 Comment

  1. Iovane says: Responder

    Neste calor é impossível não prender os cabelos. Vou Divar com suas dicas!!!

  2. Iovane, com certeza! Impossível não colocar as madeixas para cima e sentir um ventinho na nuca! Espero que as diquinhas ajudem! Beijo :*

Deixe uma resposta